Tractores

novos e usados, peças e assistência

Alfaias

novos e usados, peças e assistência

Jardim

novos e usados, peças e assistência

Peças

Kubota, Fiat, Ford e New Holland

Lubrificantes

Kubota Total / Ambra NH / Ingralub

Usados

Kubota, Fiat, Ford e New Holland

Notícias:

Financiamento Aquacultura Europeia

Através do AQUAEXCEL3.0, pode beneficiar de  acesso gratuito às melhores infraestruturas de investigação europeias na área da aquacultura). Este projecto disponibiliza apoio financeiro para facilitar o acesso de investigadores da academia e da indústria a instalações de aquacultura, bem como a vários outros serviços altamente especializados.

O AQUAEXCEL tem como principal objectivo apoiar o crescimento sustentável do sector da aquacultura europeia, promovendo a investigação e inovação em aquacultura. Este projecto europeu é coordenado pelo INRA (França), sendo que o IPMA - através da Estação Piloto de Piscicultura de Olhão (EPPO) -  integra pela primeira vez o projecto, associado ao CCMAR.


saber mais

N/M COIMBRA

Recebemos os primeiros dados oceanográficos, medidos com a "ferrybox" (Undersee_water), enviados pelo N/M Coimbra, desde os Grandes Bancos da Terra Nova. Junta-se uma imagem da plataforma de visualização dos dados.

 

saber mais

Boletim Climatológico dos Açores

Foi publicado recentemente o Boletim Climatológico de abril de 2022 da Região Autónoma dos Açores.

Resumo
Em abril de 2022 a anomalia do campo médio da pressão atmosférica à superfície caracterizava-se por uma região de valores negativos no Atlântico central,  com um mínimo localizado cerca de 45°N 34°W. A região dos Açores apresentava valores entre -4,2 a -1,8 hPa de ocidente para oriente respetivamente.
A anomalia do campo da precipitação média diária apresentava valores entre 0 a 2 mm/dia, enquanto a anomalia do campo da temperatura média mensal do ar apresentava valores de 0 a -0,8 °C .

Situação sinóptica

Em abril, o anticiclone subtropical do Atlântico Norte apresentava-se posicionado em média a sul do arquipélago, com fraco desenvolvimento para latitudes superiores a 35°N, configurando uma situação favorável à corrente perturbada de oeste, com persistência da frente polar nas regiões ocidental e central do arquipélago. Ocorreram duas situações de tempo severo, nos períodos de dias 8 a 11 com vento e agitação marítima fortes nos grupos Ocidental e Central, e de 26 a 28 com precipitação forte no Central.
A temperatura da água do mar à superfície apresentava valores médios de 16 a 18°C , verificando-se anomalias de -0,1°C nos grupos Ocidental e Central a +0,6°C no Oriental. O estado do mar caracterizou-se em média por ondas noroeste, de 3 a 3,5 m no grupo Ocidental e de 2,5 a 3 m nos Central e Oriental. A altura significativa das ondas atingiu 7 a 8 m no grupo Ocidental, 6 a 7 m no Central e 5 a 6 no Oriental entre os dias 9 e 11.

Precipitação
Relativamente às quantidades de precipitação, o desvio positivo mais elevado foi registado na estação da Graciosa (+234%) e o mais negativo na estação de Ponta Delgada (-24%). O desvio positivo ocorrido na estação da Graciosa é significativo, sendo o mais elevado desde o início deste século. O valor mais elevado dos totais mensais de precipitação ocorreu na estação do Pico (206,1 mm), e o valor mais baixo ocorreu na estação de Santa Maria (60,5  mm).

Temperatura do ar
Os desvios das temperaturas médias mensais do ar foram todos positivos; de 0 a 0,7 °C.  O valor da temperatura média do ar variou entre 16,1°C (Ponta Delgada) e 14,9°C (S. Jorge). A temperatura mínima mais baixa ocorreu em Angra do Heroísmo (8,7 °C) e a máxima mais alta no Pico (23,2 °C).

Vento
No mês de abril, a circulação média de larga escala na região dos Açores foi moderada de SW A Rosa-dos-Ventos da estação meteorológica do aeródromo da ilha Graciosa apresenta uma distribuição por rumos, com vento bonançoso a fresco de SW, mas também de WNW e WSW.

Radiação global

No mês de abril, a percentagem da irradiação global mensal relativamente ao valor esperado no topo da atmosfera apresentou cerca de 52% na estação de Santa Maria, 51% na estação da Graciosa e 50 % na estação do Pico.

saber mais

Campanha sísmica de reflexão

Decorreu, entre 10 e 14 de maio de 2022, a campanha SAT UHRS 2022-C4G destinada a executar os testes de mar (SAT – Sea Acceptance Tests) para aceitação do equipamento de sísmica de reflexão de ultra alta resolução (UHRS- Ultra-high Resolution Seismics) adquirido em dezembro de 2021.

Os objectivos parcelares consistiam em testar o funcionamento de:

  • um cabo de hidrofones de 48 canais (streamer) com comprimento total de 110 metros;
  • dois cabos de hidrofones monocanal (de 8 hidrofones) (mini-streamers) com 2,8 metros de secção ativa;
  • sistemas de aquisição dedicados a estes equipamentos (Multitrace e Minitrace);
  • cabo de alta tensão (HV) de 75 metros.

Os testes foram executados com sucesso com a participação da equipa técnica da Divisão de Geologia e Georrecursos Marinhos do IPMA e de um técnico da Geosurveys, a bordo do navio de investigação Diplodus do IPMA a sul da serra de Arrábida. O equipamento foi comprado com financiamento do projecto C4G – Co-Laboratory for Geosciences, co-financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Estes sistemas permitem resoluções verticais do registo sedimentar de ~10 cm em condições ambientais adequadas (natureza dos sedimentos) e penetração da ordem de 350 m. Este sistema acoplado com o perfilador de sub-fundo permite resoluções verticais de 5 cm e profundidades de penetração na ordem de 5 metros.

Em conjunto com as sondagens de batimetria multifeixe (ecossonda Teledyne T50-P) obtêm-se imagens do fundo marinho que permitem detectar objectos a partir de 25 cm (em profundidades até aos 30 metros).

saber mais

Evento online sobre pescado sustentável

O IPMA vai realizar, a 25 de maio 2022, o evento online “Desafios da indústria do pescado: Como podemos assegurar maior sustentabilidade considerando a emergência climática?".

O evento insere-se no âmbito do projeto NEPTUNUS, terá tradução simultânea português-inglês, e necessita de inscrição obrigatória até 23 de maio. O projeto Neptunus visa promover o desenvolvimento sustentável do setor do pescado no espaço Atlântico, através do desenvolvimento de uma metodologia que permita a certificação ambiental dos produtos, e a definição de estratégias de eco-inovação para a produção e consumo, num contexto de economia circular.

Algumas das questões a abordar serão:

  • Qual a contribuição da produção de pescado para as alterações climáticas?
  • Como se utiliza a metodologia de Avaliação de Ciclo de Vida (ACV) e se chega a uma pegada de carbono de um produto?
  • Quais os resultados de experiências de certificação ambiental de produtos da pesca no norte de Espanha.

saber mais

Colaboração IPMA e empresa de Pesca S. Jac

No âmbito dos projectos OBSERVA.PT (MAR-01.04.02-FEAMP-0002) e OBSERVA.FISH (PTDC/CTA-AMB /31141/2017), O IPMA iniciou uma colaboração com a Empresa de Pesca S. Jacinto, S.A., de Coimbra, para o desenvolvimento de sistemas automáticos de observação do oceano, a bordo de embarcações de pesca. A disponibilidade da referida empresa, através do seu Administrador Dr. Tiago Vaz Pais, é um exemplo de uma colaboração com o sector, que o IPMA muito agradece e que deseja realçar, como um exemplo a seguir por outras empresas. Assim, a empresa Undersee, instalou no N/M Coimbra, uma "ferrybox" (Undersee_water), que irá medir em continuo, vários parâmetros oceanográficos (e.g., temperatura, salinidade, clorofila, oxigénio dissolvido, pH e turbidez), durante a rota deste bacalhoeiro, para os Grandes Bancos da Terra Nova. O N/M Coimbra, um navio emblemático, é um arrastão construído nos Estaleiros de S. Jacinto em 1973, o navio mais moderno de então, sendo ainda um dos poucos navios de pavilhão nacional, que continua a fazer viagens regulares, para a pesca do bacalhau. O N/M Coimbra zarpou do porto de Aveiro, no passado dia 6. Iremos actualizar regularmente esta notícia, no decorrer desta campanha do N/M Coimbra.

 

saber mais

Publicações: